Um ataque cibernético pode ser fatal para uma empresa, seja ela pequena, média ou grande. Por isso, investir em segurança da informação deve ser prioridade em seus negócios.

A seguir, apresentamos as diversas vantagens que esse investimento pode trazer, indo desde conformidade com a lei e garantia de uma boa reputação no mercado até a participação no retorno sobre o investimento (ROI) da empresa.

Confira!

As vantagens de investir em segurança da informação em sua empresa

Dados e informações sigilosas protegidos

Todos os materiais importantes de sua empresa que são mantidos em sua infraestrutura tecnológica são protegidos quando você passa a investir em segurança da informação.

Então, os dados que você armazena, assim como informações sigilosas que podem comprometer o negócio, ficam protegidos de qualquer ataque hacker.

Esse é um ponto fundamental para seu negócio se manter ativo e com uma boa imagem de mercado, ainda mais com a Lei Geral de Proteção de Dados tão em alta.

Não sabe do se que se trata? A gente te explica no próximo tópico!

Conformidade com a LGPD

A Lei Geral de Proteção de Dados (Lei no 13.709/2018), entrou em vigor em 2020 e teve suas sanções liberadas em 2021.

Ela exige que as empresas (pequenas, médias ou grandes) protejam os dados que coletam, sejam de clientes ou colaboradores, em espaços online ou offline.

As punições para quem não fizer essa proteção corretamente variam de multas de até R$ 50 milhões ou de percentuais do faturamento para determinadas infrações.

Melhor não correr esse risco, não é mesmo?

Boa reputação e imagem no mercado

Ao investir em segurança da informação em sua empresa, como falamos acima, seus dados se mantêm protegidos e você fica em conformidade com a LGPD.

Isso tem impactos diretos numa boa reputação e imagem no mercado, afinal, uma das sanções administrativas da LGPD envolvem a divulgação pública da empresa que cometeu alguma infração.

E se seus colaboradores, clientes e fornecedores descobrem que sua empresa mantém seus dados sem nenhum tipo de proteção e ainda é multada por falta de segurança, é normal que eles se afastem de você e isso impactem drasticamente os negócios.

Visto dessa forma, implementar em sua infraestrutura tecnológica boas práticas de cuidado tem o potencial de manter sua imagem de organização confiável no mercado.

Diminuição de riscos ao investir em segurança da informação

Um bom time de TI, ao estruturar um plano de segurança para seu negócio, saberá exatamente como implantar ações que irão mitigar ou minimizar riscos.

E aqui você pode considerar tanto os riscos internos quanto os externos. Ou seja, desde ataques de hackers até falhas humanas que seus colaboradores podem cometer.

Fácil recuperação de dados em casos de ataques

Investir em segurança da informação é investir também em um bom sistema de backup, que será o responsável pela recuperação dos dados do negócio em casos de ataques.

Isso porque é o backup que mantém dados e informações importantes em nuvens, por exemplo, e permite que sejam feitas duas cópias desses materiais.

Assim, caso os dados sejam perdidos acidentalmente (por falha humana de um colaborador) ou em um roubo de informações (ataques de hackers), em pouco tempo e de maneira fácil, é possível os recuperar novamente e manter a empresa nos trilhos.

Diminuição de falhas humanas

Acima, nós já citamos algumas vezes as chances de erros ocorridos por falhas humanas acontecerem e prejudicarem o desenvolvimento do negócio.

Isso é muito comum e pode causar grandes impactos negativos, mas ao mesmo passo, pode ser diminuído e mitigado ao investir em segurança da informação.

Vamos supor que um colaborador entre em uma página suspeita com o computador da empresa e facilite uma invasão aos dados e informações sigilosas que sua máquina tem acesso.

Ao investir em segurança da informação, isso pode ser prevenido de duas maneiras:

1- Monitorando funcionários, para saber em quais páginas eles navegam e poder barrar o acesso de páginas suspeitas.
2- Restringindo alguns acessos e mantendo os dados e informações confidenciais disponíveis somente a um grupo seleto de colaboradores.

Participação no ROI da empresa

O Retorno sobre Investimento (ROI) de uma empresa mede o ganho financeiro que se teve a partir de um valor investido.

E engana-se quem pensa que ao abrir o caixa para contratar serviços de segurança da informação não trará retornos dessa aplicação financeira.

Todo investimento feito nesse serviço é comprovado por meio da habilidade de proteger o negócio e evitar prejuízos, conforme os exemplos apresentados ao longo deste artigo.

Assim, as soluções de cibersegurança agem antes das falhas ocorrerem e se mostra viável ao ROI ao apresentar os valores que a empresa teria que gastar caso fosse vítima de ataques que poderiam ter sido prevenidos.

Gastos com reparos são evitados

Incidentes cibernéticos fazem empresas desembolsarem milhões de suas caixas para repará-los.

Como esses ataques geralmente param todas as operações, eles precisam ser resolvidos rapidamente. E esse senso de urgência torna a recuperação ainda mais cara.

Que exemplos?

Estudos apontam que US$ 2,4 milhões é o valor que um ataque de malware pode custar a uma organização.

Tá aí um ótimo valor que pode ser considerado no ROI!

Conclusão

Como você pode perceber ao longo deste artigo, investir em segurança da informação te coloca em conformidade com a lei, garante uma boa reputação no mercado, além de participar do ROI da empresa.

Então, se você está na busca por profissionais capacitados que cubram todos os pontos que citamos aqui, o time da Softwall pode te ajudar.

Entre em contato conosco e garanta a segurança da informação de sua empresa.

SOFTWALL – Em Curitiba e Região – Paraná:
Telefone: (41) 3153-5090
E-mail: [email protected]

Também em Balneário Camboriú e Região – Santa Catarina:
Telefone: (41) 3153-5090
E-mail: [email protected]

“Sua segurança é o nosso objetivo”

Investir em segurança da informação: as vantagens e o retorno sobre o investimento - Softwall